segunda-feira, 30 de novembro de 2009

51 perguntas para um Blogger
51 perguntas para um Blogger e’ uma coluna do Pensieri e Parole publicada toda segunda feira, a cada semana um novo entrevistado.


Hoje no 51 perguntas para um blogger, vamos ler as respostas da Nade , que se define assim:



Falar um pouco de mim...
Sou feliz por ter conseguido enfrentar alguns obstáculos árduos. Sou mais feliz ainda por ter uma família maravilhosa, do qual me orgulho extremamente. Aliás, tenho muito orgulho das minhas raízes, do meu Pará, da minha Belém, da minha MÃE e do meu PAI. Faço jus ao meu signo, sou uma verdadeira sagitariana... Aventurar sempre!
Tenho grandes amigos, que amo de paixão. Amo música, livros, internet, arte...
Amo demais a VIDA!


Nade escreve o Blog: Orgulho de Ser


7 de outubro de 2009 23:44 N°37


1. O que você mudaria do teu último ano de blogging?


Não mudaria nada, não me arrependo de nada que tenha feito. Quando comecei a blogar, jamais imaginei que hoje teria tantos amigos aqui (considero mesmo)... Cada dia, cada postagem, uma nova conquista. Estou sempre mudando o template, seja nas cores ou gadgets, para não enjoar... O tempo que tenho para postar não é o ideal, mas capaz de escrever o que sinto vontade.


2. Se o teu blog sumisse, apagasse, fosse deletado, você começaria a blogar o zero?


Nossa, certamente tremeria o corpo inteiro se isso acontecesse! Mas sou uma moça precavida, uso o Windows Live Writer para postar, tendo tudo salvo, além de todo mês exportar o meu blog para armazenar no meu computador. Mas se não tivesse esses recursos, começaria tudo de novo, sim!


3. Se tivesse que escolher uma só maneira de promover o teu blog, qual seria? E por quê?


Faria da mesma maneira como fiz até agora, respondendo aos comentários deixados no meu blog, visitando os blogs linkados nos blogs dos amigos e comentando no caso de encontrar um interessante, além de participar de blogagens coletivas...


4. A tua web rotina matinal inicia às...


Assim que acordo, no fim de semana. É quando posto e programo postagens para o decorrer da semana, no caso de compromissos acertados na blogosfera. Durante os dias úteis, por causa do trabalho, acesso à noite para responder os comentários deixados e visitar os blogs amigos que tiveram postagens recentes.


5. O que não deve faltar na tua escrivaninha?


Canetas e papéis de rascunho.


6. Comentários moderados, livres ou uma via de meio?


Livres, sempre! Tenho horror às letras de confirmação...


7. A Blogosfera é realmente auto referência?


Acredito que sim.


8. Recomende 3 blogs formadores de opinião.


Hum... Três apenas? Saia Justa, Lápis de Memória e Papo Calcinha.


9. Recomende 3 blogs desconhecidos que vale a pena conhecer.


Não dá pra aumentar esse número? (risos) Jámêvú, Crescer dá trabalho e Este Blog e' Minha Rua.


10. Se o teu blog fechasse amanhã, por que coisa você seria recordado?


Pelo orgulho que tenho das minhas raízes, do meu Pará, pela minha alegria de viver.


11. Um erro grave que você fez blogando...


Espero não ter cometido nenhum...


12. Você se recorda do post que gerou maior reação?


Enumero todos com os quais participei de blogagens coletivas.


13. E o mais ridículo?


Talvez, os primeiros.


14. Cita sempre a fonte das imagens que usa?


Sendo honesta, não. Tiro a maioria do Google, raramente cito as fontes até porque a maioria não tem, mas também não me aproprio delas me intitulando dona. Nas que são minhas coloco uma marca d’água, e nas que encontro fonte ou dono, cito e direciono ao site em que as encontrei.


15. Então indique uma boa fonte de imagens.


Google Imagens.


16. Muitos posts ao dia pode ser contraprodutivo?


É relativo. Tem muitos blogs que são maravilhosos e que publicam vários posts num mesmo dia. Havendo qualidade, tudo é válido.


17. Feed, reader?


Reader.


18. Já experimentou podcast e videopost?


O que é isso? Acho que não.


19. Se sim o que você achou?


20. Dica de uma ferramenta interessante.


Gosto do Windows Live Writer como recurso de publicação das minhas postagens. Não abro mão também de bons gadgets, como as pesquisas no próprio blog e os seguidores.


21. Twitter. Uma perda de tempo ou um novo horizonte comunicativo?


Cheguei a criar um perfil, mas exclui depois de duas semanas. Não achei graça alguma.


22. O microblog sepultou ou acordou o blog?


Pode ser usado pra divulgação um de outro, mas entendo que são coisas bem diferentes. Não abro mão do meu blog.


23. O pior evento que você teve que administrar no teu blog?


Graças a Deus, não tive problemas até agora em que me causasse desconfortos.


24. Para um Blogger, Firefox ou Chrome?


Firefox.


25. Quanto vai durar a febre Orkut?


Não saberia te dizer. Eu tenho um perfil, mas pouco acesso. Mas sei de gente que não consegue ficar um dia sem ver os recados ou vasculhar a vida dos amigos. Prefiro ler os posts dos amigos blogueiros.


26. Uma palavra para descrever a blogosfera brasileira.


Apaixonante.


27. No Brasil, se digo blogger digo…


Diversidade de ideias, opinião. Pra mim, é Cult!


28. Você costuma programar seus posts?


Sim, para honrar com os compromissos de participação em blogagens coletivas.


29. O horário de publicação do post interfere nos comentários?


Acredito que sim. Quanto mais cedo a publicação, mais comentários, principalmente nos fins de semana.


30. Quantos e-mails relativos ao teu post você recebe por dia?


Depende do post, do dia da semana. Logo no começo, festejava quando alguém comentava. Hoje, depois de muitas amizades feitas, dificilmente uma postagem fica sem comentário, tendo uma média de 15.


31. Responde a todos?


Respondo os comentários no próprio blog, direcionando uma resposta a cada amigo.


32. O ultimo investimento econômico que você fez para o teu blog?


Até agora, nenhum.


33. Você cuida sozinho do layout do seu blog?


Na maioria das vezes, sim. O template que uso é do Dicas Blogger, que me dá uma liberdade para alterar as cores e o layout tranquilamente, além de recorrer ao Guga, do My Blog Tech, quando quero mudar algo em HTML e não consigo.


34. Melhor um layout grátis, ou sob medida?


Há muitos maravilhosos e gratuitos. É só ter paciência que acha um ideal ao que se quer.


35. Mais “bobagens” é igual a mais “comentários”?


Com certeza, infelizmente.


36. O que falta para a Blogosfera brasileira ficar legal?


Eu já adoro a blogosfera brasileira do jeito que é. Tem muito blog que a qualidade passa longe, ao mesmo tempo em que tem muitos que exalam criatividade e inteligência. Eu sei o que quero ler, ver. Graças a Deus, existe essa diversidade.


37. Você já foi clonado?


Acho que não.


38. Já publicaram algo teu sem pedir?


Não sei.


39. Se sim, o que você fez?


40. A posição geográfica influencia na maneira de blogar e no relacionamento entre bloggers?


Com certeza. Percebi que quem está fora do Brasil ou fora do seu estado (situação semelhante a minha), tende a blogar mais evidenciando as suas experiências, o que me atrai bastante e me aproxima da pessoa que escreve. É mais pessoal.


41. Um evento brasileiro ligado ao mundo blogueiro que ninguém poderia perder.


Adoro as blogagens coletivas e sugiro a todos que participem de alguma.


42. Já escreveu algum publieditorial?


Não.


43. Qual o último post que você escreveu no teu blog antes desta entrevista?


Um texto para participar da Blogagem Coletiva proposta pelo Blog Mix Cultural.


44. O primeiro post que você vai escrever depois desta entrevista?


Boa pergunta... Nada programado ainda.


45. A troca de links “como obrigação” ainda faz sentido?


Já tive esse pensamento quando comecei o blog, indo de blog em blog ver se o meu estava linkado, bem infantil mesmo. Hoje, não faço mais isso, incluindo os links que sempre visito, apesar de não conseguir visitar todos no mesmo dia, procurando ler as últimas postagens que aparecem no meu Reader.


46. Quantos links contem o teu blogroll?


150.


47. Você visita todos?


Procuro fazer o que comentei anteriormente, ler as últimas postagens dos blogs que acompanho que aparecem na lista de leitura do meu Reader.


48. Tem algum senso auto promover seus posts nos diversos circuitos e redes sociais?


Não.


49. Uma widget que não deve faltar na tua sidebar.


Enumero três: a caixa de pesquisa do Google e do blog, os seguidores e o blogroll.


50. Uma widget você tirou da tua sidebar.


Já fiz várias ‘faxinas’ (risos). Os selinhos, memes poluíam o blog...


51. Um conselho para quem está chegando agora no mundo da blogosfera.


Que escreva com paixão, que respeite as opiniões dos outros, que não use a linguagem internetês (terrível!), que tenha criatividade, não faça uso do Ctrl+C / Ctrl+V ou se fizer, cite as fontes, respeite a autoria. Tenha a sua personalidade.



Nade

Nenhum comentário: